Notícias / Conheça o Projeto Observatório de Direitos Humanos em Escolas (PODHE), iniciado esse ano por nossos pesquisadores

Conheça o Projeto Observatório de Direitos Humanos em Escolas (PODHE), iniciado esse ano por nossos pesquisadores

NEV-USP inicia etapa piloto do Projeto Observatório de Direitos Humanos em Escolas (PODHE)

Em fevereiro desse ano, pesquisadores do NEV-USP deram início à implementação da etapa piloto do Projeto Observatório de Direitos Humanos em Escolas, o PODHE. As atividades têm como público-alvo os alunos do 6º ano do ensino fundamental II e do 1º ano do ensino médio da rede pública de São Paulo.

O que é o PODHE?

O Projeto Observatório de Direitos Humanos em Escolas (PODHE) é uma iniciativa que visa assegurar a Educação em Direitos Humanos (EDH) estabelecida pelo Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos (PNDH). O projeto é voltado a estudantes da educação básica e vem sendo implementado pelo Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (NEV-USP), como parte do programa de educação da pesquisa “Building Democracy Daily: Human Rights, Violence and Institutional Trust” (CEPID/FAPESP).

O objetivo desse projeto é desenvolver atividades de sensibilização e formação para o conhecimento e o monitoramento de direitos humanos em contextos escolares e outros espaços de vivência de educandos, para promover a valorização dos aspectos positivos de seu cotidiano e fomentar a construção coletiva de estratégias de superação de problemas identificados.

higgins-1

Qual a metodologia utilizada?

Os “Observatórios” tem como finalidade o envolvimento dos educandos na produção de diagnósticos sobre a realidade escolar e sobre o contexto social onde vivem, a partir da ótica dos direitos humanos. É uma metodologia que preza, portanto, pelo desenvolvimento de uma EDH contextualizada, participativa e colaborativa, por meio de atividades que propiciem uma vivência fundamentada nos princípios dos direitos humanos (como dignidade, igualdade e não discriminação), bem como utilizem linguagens de expressão que permitam uma EDH por meio de práticas criativas e inovadoras.

Onde e com quem é implementado?

Em sua etapa piloto, o PODHE é desenvolvido com educandos e profissionais de duas escolas pertencentes a rede pública de ensino de São Paulo: a EMEF Bernardo O’Higgins, na Vila Alexandria, e a EE Amélia Kerr Nogueira, no Jd. Horizonte Azul. Nessa fase, as atividades abrangem, especificamente, cinco turmas de 6º ano do ensino fundamental II e duas turmas de 1º ano do ensino médio. As atividades destinadas aos alunos são realizadas nos períodos de aula, em colaboração com os professores.

Informações Gerais

Equipe: Vitor Blotta, Caren Ruotti, Gorete M. Jesus, Clarice Lopes e Diego Corrêa.

Telefone: 55 (11) 3091-4951

E-mail: podhe.nev@gmail.com

Facebook: https://goo.gl/CfAuD2