Notícias / A trajetória de uma arma legalizada após o roubo: assassinatos, assaltos e sequestros

A trajetória de uma arma legalizada após o roubo: assassinatos, assaltos e sequestros

Em outubro de 2005, poucos dias antes do plebiscito que decidiu pela não proibição do comércio de armas de fogo e munições no Brasil, o Estadão publicou o caderno especial sobre o assunto. Um dos destaques foi a reportagem de Bruno Paes Manso, jornalista e atualmente pesquisador do NEV, que mostrou a trajetória de uma arma legalizada após ser roubada de seu proprietário no bairro do Morumbi, em São Paulo.

Assaltantes invadiram a casa e roubaram a arma, que foi vendida e serviu para pelo menos 3 assassinatos, 6 assaltos a mão armada e 3 sequestros. Veja a reportagem completa no Acervo do Estadão e a trajetória interativa no mapa abaixo.